Pelada & Pelados na Copa…

2014-07---Futebol_Iracema---_DSC7245

Em plena semi-final da Copa do Mundo do Brasil, a minha foto do dia é propositalmente uma “pelada”.  Uma reflexão sobre o futebol

Desde que anunciada a Copa do Mundo no Brasil tenho pensando o que isso representa para mim e para a sociedade. Vi muitos políticos, atletas, dirigentes e aficionados pelo esporte dizendo sobre o legado deixado pelas copas passadas em outros países, a importância do esporte para o crescimento da economia, a expansão das relações internacionais, etc. Um excelente discurso, mas será mesmo?

Quando eu penso em futebol,  penso naquele joguinho dos amigos no final de semana, onde meia dúzia de craques se reúnem e formam times, muitas vezes sem goleiros,  onde todos são atacantes, laterais e defesa. Outras vezes com disparidade no número de jogadores, mas isso é detalhe e se resolve colocando o melhor jogador no time com menos jogadores. Se reúnem só pelo simples prazer de jogar uma pelada, onde as regras são apitadas pelo dono da bola ou então por aquele que “grita mais”, ou mais alto, no jogo. Se o campinho for longe e depender de “carona” o dono do carro passa a atuar como bandeirinha, dando opiniões decisivas na “arbitragem”.

Quando eu penso em futebol lembro dos meus colegas, que moravam na rua da antiga casa, e que quase todos os dias tocavam a campainha pra irmos jogar futebol, ali mesmo na rua em frente as nossas casa, usando os chinelos como traves (marcação) para o gol. Coisa simples, sem exageros, extravagancias e grandes investimentos.

Quando eu penso em futebol penso em confraternização, churrasquinho, diversão, reencontros e despedidas, afinal, quem nunca organizou um joguinho de bola pra um amigo que estava indo morar longe quando jovem

Quando penso em futebol penso em liberdade e interação, sem cercas, alambrados, guardas armados e cachorros treinados. É muito estranho precisar de tanta precaução (polícia) num momento de descontração. Penso como é saudável o ato de correr atrás de uma bola, embora as vezes ocorra uma ou outra falta no jogo, então é bom ficar esperto e escapar das faltas, cavar faltas nem pensar, pois é terrível esperar horas e horas na emergência do hospital para ser atendido e enfaixar ou engessar um tornozelo devido uma falta durante a pelada.

Quando penso em futebol penso em lazer, prazer, recreação e diversão e não em disputas e quebra-quebra!  Penso em torcidas emocionadas e totalmente desorganizadas, sem um chefão!

Chego a conclusão que eu penso o futebol como uma pelada de criança, desprovida de interesses políticos ou financeiros, onde o que realmente importa é a confraternização promovida pelo esporte!

Consigo enxergar agora, que o esporte que deveria ser uma pelada, nos deixa pelados!..

TD.

One thought on “Pelada & Pelados na Copa…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.